PLC controlino para controlo remoto de luzes

Boas pessoal, já várias pessoas me falaram na utilização de um PLC para o controlo da iluminação e não só, contudo é algo completamente desconhecido para mim. A minha ideia era usar Sonoff 4CH para poder controlar as luzes remotamente e com os interruptores, é uma solução um pouco hacky que não me deixa confortavel. Hoje falaram do Controlino https://controllino.biz/ que tem um aspecto bastante bom e que me parece ser uma melhor solução para o que pretendo, alguém que consiga dar umas luzes sobre isto? Será uma solução melhor? Agradeço a vossa opinião, Obrigado…
@dgomes sei que implementas te um PLC queres dar aqui umas luzes? :slight_smile:

Tive o controllino na shortlist :slight_smile:

Mas acabei por optar por estes: https://www.industrialshields.com/shop/category/ethernet-plc-1

Razao principal: mais relays :wink:

Problema: é grande para a maioria dos quadros… o meu ficou ao lado na caixa do ATI e com um tubo grande para passar os fios para o quadro.

Olá Pedro, como te disse o ishields é muito grande, mas como estás em obra, podes adequar o tamanho do quadro ao que precisas.
Eu não tenho essa possibilidade, mas se tivesse ia para PLC. Mesmo que mais tarde queiras trocar, já tens lá o material todo (fios).
Aproveita a opinião do @dgomes, porque como te disse é melhor ser alguém com experiência nisso a aconselhar :wink:

1 Like

@dgomes também tinha olhada para esses mas está dificil de perceber como é que posso colocar isso em funcionamento para o que pretendo, luzes e estores essencialmente. Do que já entendi:

  1. consigo ligar ao HA utilizando modbus ou mqtt
  2. tem diversos tipos de output incluindo alguns de 220v mas não consegui entender exactamente como faria o esquema de ligações por exemplo: ligar dois interruptores para controlar uma lampada, presumo que usa dois inputs e tinha de ser programado para ligar dois outputs ou estou completamente errado?
  3. Também sei que os interruptores deveriam trabalhar a 12 ou 24v mas não sei se isso é válido para todos os interruptores, no meu caso esse material já está incluido na empreitada, pelo que não me convinha serem valor diferentes do legrand convencional.
  4. Também já me falaram em ter que usar outro componente para converter saidas de 12/24 para 220v não sei mto bem o que e se isto é mesmo necessário.

Como veem várias perguntas que presumo serem basicas para quem entende disto mas não para um noob.
Depois a minha grande duvida é se vou mesmo ter skill para programar isso e será que não estou a montar algo demasiado overkill.

Ao passo que os sonoff são mais economicos, talvez menos fiaveis mas aparentemente menos complexos… Mas os PLC parecem me uma solução mais “profissional”…

No meu caso:

Podia ter usado telerruptores de 24v mas o eletricista optou por fazer a 220v (o PLC suportava e assim não tinha de instalar transformador)

Não percebi o pq do ponto 4.

Uma solução 5* que ninguém falou é instalar uma solução KNX (o grande contra é o preço)

2 Likes

A solução dos Telerruptores é muito interessante. Segundo o que entendi do esquema, podes perder ligação no PLC que tudo continua a funcionar de forma transparente ao utilizador… a nível dos interruptores de parede, luzes e estores. @dgomes , estou correcto na minha interpretação?

Correcto Luis, esse era o meu requisito numero 1.

Isto significa que em caso de falha ou de mudança de casa, não tenho de fazer nada, tudo continua a funcionar.

2 Likes

Sem duvida a solução parece-me excelente, mas pra um noob acho que já são muitas variaveis que não domino… :frowning:

Pelo contrário, é fácil explicar ao electricista o que tem que deixar feito (é o que ele normalmente monta numa escada, ou numa cave de garagens)

Da tua parte é só programar os relays para “darem um toque no botão”

@dgomes Bom esquema :+1:
Não tinha percebido como é que tinhas o failproof no PLC, mas agora fez-se luz. Não conhecia os telerruptores.
Se tiveres aí mais info que aches interessante e puderes partilhar agradecemos todos.
Quem sabe um PLC 101? :slight_smile:

O PLC que tenho só o é de form factor :slight_smile:

Na realidade é apenas um arduino MEGA com uma placa cheia de relays e uns conectores molex que permitiram ao electricista ligar tudo sem saber nada de arduinos. E claro certificação de qualidade do mesmo.

O código que corre no mesmo está aqui: https://github.com/dgomes/home_mqtt

Se virem o código devem reparar que tenho um EmonTX ligado numa das portas de serie do PLC (leia-se do arduino MEGA) para monitorizar a energia da casa tb.

1 Like

@dgomes hoje a conversar com o @Luis_Andrade surgiu-me uma dúvida. Com a solução do telerruptor consegues saber o estado da lâmpada?

Acho que consegue devido ao pedido do mqtt.

Esse é o maior problema da minha solução, só conheço os estados indirectamente ou faço controlo exclusivo via HA.

Soluções indirectas:

  • sensor luminosidade (aqara de Movimento)
  • monitorização consumo do circuito iluminação

Tens toda a razão, mas parto do principio que isso seja mais fiável que mandar vir peças do Ali… E é capaz de ter influência se algum dia for preciso activar o seguro :exploding_head:

1 Like

Boas,

Pegando na dica do KNX… Para alem do custo (e mesmo que seja aberto) calculo que haja também menos flexibilidade de customização que o Arduino PLC não é? ou pelo menos facilidade…

Não sei se entendi bem, mas do que tive a ler sobre KNX dá a ideia que por exemplo a solução que implementaste para que os interruptores funcionem sempre mesmo que o PLC perca a ligação não era possível com KNX porque os interruptores precisam de estar ligado ao KNX bus certo? se KNX interface falha ficamos às escuras?

Em geral, tirando o custo, quais as desvantagens e desvantagens que vês no KNX?

Obrigado

O KNX funciona como um subsistema completo e tem um nivel de fiabilidade muito elevado, não terias que ter medos com “se o KNX nao funcionar”.

Já um PLC baseado em arduino, obrigou-me nos primeiros meses a andar sempre a afinar codigo e a colocar condições extra para lhe aumentar a fiabilidade. Demasiado tentativa erro… Mais o sistema que implementei não permite uma sincronização perfeita entre o sistema fisico tradicional e o logico (leia-se: a luz está ligada e o sistema pensa q a mesma está desligada), o que me obriga a usar outros sensores auxiliares para detectar o real estado das coisas (como sensores de luminosidade)

1 Like

7 posts were split to a new topic: KNX - Desmistificar


Copyright © 2017-2020. Todos os direitos reservados
CPHA.pt - info@cpha.pt


FAQ | Termos de Serviço/Regras | Política de Privacidade