Interruptor de toque compativel com Shelly 1

Bom dia a todos!

Depois de ter instalado dois Shelly 2.5 nos estores dos quartos, e de estar extremamente satisfeito com os mesmos, gostava agora de utilizar alguns Shelly 1 em alguns interruptores da casa.

Já tenho uns Sonoff T1, outros por RF, mas não encontro nenhum tipo de touch swith que seja compativel com o Shelly 1!

Os que encotro são de apenas dois fios L in/L out, e não consigo que trabalhem em conjunto com os Shelly (presumo que precisam sempre de passagem, por mais pequena que seja).

Alguma sugestão?

Obrigado.

@RNogueira Podes colocar o link dos interruptores que falas?

Pelo que percebi, procuras algo deste género…

Neste caso a versão T0 sem ser 433mhz. Este interruptor é possível por na mesma caixa de aparelhagem do shelly a fazer actuar o shelly.

Obrigado pela resposta Filipe.

Eu já testei com um Sonoff T1, e embora resulte, parece-me um bocado overkill ter uma lampada controlada por … dois pontos de rede! :slight_smile:

Pelo que sei, o T0 é semelhante ao T1 (mas sem rf), e portanto vai dar ao mesmo.

Queria algo mais básico (com ou sem RF), mas que mantenha o estilo “touch panel”.
Exemplo:
https://www.aliexpress.com/item/32995503656.html?spm=a2g0o.cart.0.0.44ea3c00q2vxSC&mp=1

Gosto muito dos Shelly devido ao webserver integrado de origem.

Ainda não queria entrar no caminho do Sonoff Tasmota…

@RNogueira No sonoff T1 para além de ligar/desligar a lampada com o interruptor tens mais o comando 433mhz. Quando dizes overkill é devido ao comando RF?

Com o sonoff T0 só tens o interruptor, em que tens de lhe ligar alimentação permanente no Nin e Lin. Podes colocar uns ligadores dentro da caixa de aparelhagem onde vai ficar o shelly e o botão touch, e utilizar a mesma alimentação que liga no N e L do shelly para alimentar o botão touch.

De seguida no sonoff T0 ligas um fio do L1out para o SW do shelly. Este fio vai levar 230V ao SW do shelly sempre que pressionares o botão.

No I do shelly ligas um fio do ligador de onde tiraste o fio para ligar no L do shelly, e no O do shelly ligas a linha de lampada que vai diretamente para a lâmpada.

O neutro para a lampada podes tiras do ligador em que ligaste o neutro para o N do shelly, e para o Nin do botão sonoff T0.

@FSousa, o overkill está em usar um wifi switch atrás dum… wifi switch.

Eu já fiz essa experiencia, e resultou! Mas a ideia era mesmo não os usar em conjunto na mesma caixa, para a mesma lâmpada…

Ou seja, gosto dos Sonoff (interruptor touch), mas gosto mais do shelly como controlador wifi.
E como disse, os touch panels que tenho aqui (para além do sonoff) não parecem gostar muito do shelly (provavelmente por estarem atrás do relay).

Tenho inclusivamente um interruptor mais antigo, que comprei algures no ebay, que nem sequer é RF, e que funciona bem com o shelly, mas é uma versão UK (formato quadrado…) e já não encontro nada parecido em versão EU.

@RNogueira os touch já já interruptores inteligentes, não precisas de um Shelly ligado a eles.

@j_assuncao, Certo!
E eu até gosto dos T1, mas gosto mais do shelly (e do webserver nativo).

Eu quero é usar o Shelly em vez de um sonoff. Mas com um “bonito” interruptor de toque. E é isso que está mais dificil de encontrar. Um interruptor de toque que trabalhe com o shelly.

Boa sorte então na tua demanda!

@j_assuncao :slight_smile:

Obrigado!

Não percebo essa parte de preferires o webserver nativo. Isso é suposto funcionar com o HA e não faz sentido usar com uma app. Além disso deves instalar um firmware open source para aumentar a segurança do sistema. Mas se queres que os teus dados andem a viajar pela net então força.

@j_assuncao, agora não sei se percebi…

Uma das vantagens (e para mim a maior) dos Shelly, é que não precisam de estar ligados a nenhum servidor/serviço externo para serem utilizados right of the box. Neste momento até estão todos “off line”. Não vou garantir para já que não há qualquer trafego externo, mas basta-me barrar a porta aos ips dos dispositivos em causa (ou a range que tenho disponivel para eles…).

Eu confesso que não estou a utilizar o HA, mas sim algo mais… proprietário…
Com um pequeno servidor em casa que tem a “missão” de comunicar e interagir com todos os dispositivos IoT lá de casa. Alguns até home made.

E reconheço que o próximo passo será tentar “flashar” um sonoff e perceber se encaixa bem no sistema montado, mas para já era este o cenário que estava a tentar criar: Shelly 1 + Touch Switch.

Vou insistir mais um bocadinho… :grin:

Explica lá então como estás a usar os Shellys.

Existe uma grande diferença entre o sistema que atualmente tens e, aparentemente, predendes ficar preso … para o que aqui defendemos e acreditamos.

Este forum é sobre HA, aliado a tudo o que os sistemas open source permitem em termos de liberdade e controlo dos equipamentos que adquirimos… indo por vezes mais longe e expandir as funcionalidades.

Aproveita a oportunidade e apoio da nossa comunidade para ganhar controlo dos equipamentos que são teus por direito.

1 Like

Ok, por partes:

Antes de mais, peço desculpa ser coloquei a pergunta no thread errado, ou não fui suficientemente claro, e com isso ter induzido alguém em erro.
Embora já venha a este site há algum tempo, só hoje me registei e este foi o primeiro post que fiz.
Por isso, peço alguma paciência! :neutral_face:

@Luis_Andrade
É verdade que nada disto tem a ver com o HA (e tenho aqui reservado um Raspberry para o instalar assim que tiver oportunidade), mas como já percebi que é uma comunidade com muito know-how em domótica e nestes dispositivos que falei, achei que podia ter havido alguém com o mesmo “problema” que eu.

O sistema que tenho… é meu! Um website feito por mim, com um conjunto de serviços montados, com alguns dispositivos home made (arduino, pi-zero, etc…) e do mais artesanal que se pode pensar. Consigo saber a temperatura de varias zonas da casa, movimento em algum locais, abrir e fechar estores, acender uma ou outra luz e ver se os gatos têm comida suficiente com a CatCam! :smile:
Repito, tudo muito artesanal…
Mas a permissa julgo ser a mesma que aqui se defende. Um sistema “controlado”, sem dependência a servidores na web, com tudo o que de mal isso significa, e quanto mais não seja, pela impossibilidade de ativar estes elementos se ficarmos… sem internet…

@j_assuncao
Assim que possivel, posto um exemplo do que já tenho ativo com os shelly.

E obrigado pelas respostas!

1 Like

Desculpa que te diga mas estás é a criar tu o problema. Se o interruptor touch funciona sozinho e queres ligar o interruptor a um Shelly só porque sim, isso na minha opinião é criar um problema onde não existe.

Instala Tasmota em tudo e liga ao Home Assistant e nem precisas ter net em casa, basta um router wifi.

O facto de te pedir para explicar com estás a usar os Shellys tem a ver com o facto de dizeres que gostas do “webserver nativo” (deves estar a referir-te à UI). Ora se usas a interface do Shelly das duas uma: ou te ligas à cloud da Shelly para os controlar ou os Shelly estão em modo AP e tens de aceder a cada um individualmente.

Muito sinceramente, e digo isto a titulo pessoal, estás a tentar reinventar a roda e criar um nível de complicação no teu sistema como nunca vi. Mas se para ti funciona, óptimo.

@j_assuncao

Eu??? a criar problemas??? Nunca!!! :smile:
Ná, a carapuça serve-me… não raras vezes dou por mim a dar a volta mais longa. Mas não é defeito, é feitio! :smile:

No entanto, sinto-me ligeiramente incompreendido!
Porque apesar de não estar a usar (ainda) o HA (que julgo não será a unica opção do mercado), tenho um “sistema” que não precisa da internet (os Sonoff não flashados não contam) e onde posso acrescentar mais elementos desde que “falem” a mesma (ou mesmas) linguagem. E com isso estou “livre” de updates e upgrades e serviços que não controlo.
Não consigo competir com o HA (ainda :smirk: ), mas atinjo o mesmo objetivo, aprendendo pelo caminho…
E algumas soluções e estratégias do HA foram aplicadas no meu sistema.

Em relação aos Shelly, e mais uma vez a minha preferencia por estes modulos, é que têm uma função já integrada para ficarem desligados da cloud. E sim, estão na rede local, e falo com eles por http, para cada ip especifico sabendo a qualquer momento o estado dos mesmos. E até agora, não me falharam (tirando as poucas vezes que “descalibraram” a posição do estore e não conseguiam ir para os 50% porque… já estavam fechados…)

Até acho que os Shelly 1 (e não só) são mais apropriados para outras funções que não esta que pretendo, mas tenho aqui um par deles que queira dar uso. E não gosto de interrupetores com botões, pronto!!! :stuck_out_tongue:

O Tasmota nos Sonoff está na to-do list, mas até isso parece algo “falivel” (os modelos que tenho, provavelmente copias chinesas, não são iguais a nenhuma versão que vi na net), e com tanta versão e firmware diferente, poderei nunca conseguir converter os mesmos. Por isso esta solução mais bullet-proof que procuro e que no final, até poderia mostrar-se mais económica (se pensar em aplicar na casa toda).

Mas estas vossas sugestões também têm o mérito de me fazer repensar a estratégia. Por isso mesmo volto a agradecer as mesmas.

@RNogueira convido te a passares no nosso canal de Discord para podermos abertamente falar do teu sistema, como já foi dito aqui isto é um fórum dedicado ao Home Assistant ao qual o teu sistema não agrega valor algum à comunidade existente salvo raras excepções de possíveis integrações, daí convido te a falar connosco no nosso chat. Obrigado

De acordo!

Peço mais uma vez desculpa pela confusão.

:+1:

Uma versão de Tasmota dá para TODOS os equipamentos baseados em 8266 ou 8285 e daí vem grande parte da tua confusão.

E e questão do ground da R19(?), é necessário?
E não faço ideia de qual é o chip disto.
A placa tem escrito Sonoff T1 UK2C 2017-6-10…


Copyright © 2017-2020. Todos os direitos reservados
CPHA.pt - info@cpha.pt


FAQ | Termos de Serviço/Regras | Política de Privacidade